Governo apresenta medidas para alavancar cadeia do gesso na Região de Grajaú

Durante reunião realizada nesta terça-feira (26), o Governo do Estado por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), apresentou uma seria de medidas para alavancar a cadeia do gesso na Região de Grajaú. Empresários, integrantes do Sindicato das Indústrias de Gesso do Maranhão (SindusGesso) e da Prefeitura de Grajaú, acompanharam os avanços das ações antes debatidas, afim contribuir para o fortalecimento do setor.

A iniciativa faz parte, de uma agenda iniciada mês passando, que tem como proposta, fortalecer o setor até o ano 2030, contribuindo assim, com o atendimento da demanda nacional, visando exportar produtos derivados com maior valor agregado, favorecendo a geração de emprego e renda.

Nas explanações, Simplício Araújo, titular da Seinc, destacou os avanços como a realização de uma reunião junto ao Departamento Nacional de Extração Mineral (DNPM), que culminou na proposta de um termo cooperação técnica para que o Executivo Estadual possa colaborar com a estrutura para que os técnicos do DNPM acompanhem o processo de produção de gipsita em Grajaú.

“A reunião, demostrou o compromisso do Governo Flávio Dino em reforçar as ações em prol do polo gesseiro. Estamos com vários trabalhos em andamento, e na oportunidade apresentamos algumas ações que vão trazer bons frutos”, revelou Simplício Araújo.

Outras medidas enfatizadas, estão relacionadas a divulgação do polo gesseiro, mostrando seu potencial e os atrativos, como a participação em feiras e eventos, tendo em vista, mostrar o potencial da cadeia do gesso.

Atualmente, Grajau é considerada a segunda maior produtora de gesso do país e que conta com seis mineradoras, 16 fábricas de gesso e 60 fábricas de placas, o que reforça que o segmento pode se expandir ainda mais, agregando desenvolvimento, emprego e renda.

Para o presidente do SindusGesso, Carlos Araújo, os movimentos realizados pelo Governo do Estado, demonstram o compromisso do Governo. “ Hoje, o estado apresentou para nós as respostas e atitudes que eles tiveram desde a primeira reunião. Todos saímos impressionados com a agilidade do Governo”, pontuou o presidente.

Empresários destacam apoio do Governo

Além da Seinc, as Secretarias de Fazenda e de Meio Ambiente, também apresentaram demandas relativas as suas pastas, como questões ligadas a tributação e licenciamento ambiental, que foram tratadas com os secretários Marcellus Ribeiro e Marcelo Coêlho.

A presença dos secretários de Governo e apresentação das demandas relativas as últimas reuniões, foram pontos destacados por empresários que participaram do encontro. “Essa reunião significou a continuidade de uma ação que é histórica para o polo gesseiro. Hoje, com o apoio do Governo do Estado, a gente vai conseguir muito mais além se fossemos sozinhos”, disse Marcos Vasconcelos, que possui indústria no polo gesseiro há mais de 10 anos.

Já o empresário Marinaldo do Gesso, frisou que as ações foram cumpridas no prazo determinado pelo Governador. “A gente saí hoje com a certeza de que o polo gesseiro está tendo atenção que precisa por parte do Governo do Estado”