Com apoio do Governo, empresa maranhense participa de feira no Canadá

 

Com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Indústria e Comércio (Seinc), a empresa Sabor da Ilha apresentou, de 2 a 4 de maio, suas geléias naturais produzidas no Maranhão, durante a feira de Montreal, no Canadá. O evento reuniu os principais compradores e distribuidores do setor de alimentos e bebidas do país e foi realizado pela Câmara de Comércio Brasil-Canadá.

A diretora da empresa, Ana Paula Grolli, agradeceu o apoio do governador Flávio Dino, do ex-secretário, Simplício Araújo, e do atual gestor da Seinc, Expedito Rodrigues. “Se não fosse por esse apoio, não conseguiríamos custear todo esse processo”, afirmou.

Na oportunidade, a empresa lançou sua marca de geleias para exportação ‘Gaia Amazon Jam’ e explorou estratégias importantes para melhorar o produto. De acordo com Ana Paula, a aceitação da classe empresarial pelo produto foi de praticamente 100%. “Com certeza essa missão nos trouxe novos clientes”, contou.

 Segundo o secretário Expedito Rodrigues, a empresa Sabor da Ilha está preparada para iniciar o processo de exportação de seus produtos. “A missão do Governo é apoiar, incentivar e dar visibilidade ao crescimento dessas empresas e às vocações naturais do Maranhão. O Brasil e o mundo precisam conhecer essas potencialidades e um evento como esse, com certeza, aumenta as oportunidades de desenvolvimento”, frisou.

A feira foi distribuída em pavilhões temáticos para facilitar que os compradores identificassem com mais facilidade os produtos de interesse. Entre eles estava um pavilhão formado por 22 empresas do Brasil, e a Sabor da Ilha foi a única representante do Maranhão. A direção da empresa teve a oportunidade de conhecer as inovações do mercado e as tendências para o setor.A Sabor da Ilha também participou do ‘Seminário Mais Desenvolvimento: Mercado Interno’ realizado em março deste ano pela Seinc e, na ocasião, foi demonstrado pelo proprietário do Grupo Mateus, Ilson Mateus, que a empresa lidera as vendas de geleias da rede com relação à produtos produzidos no Maranhão. A empresa fornece para o grupo desde 2009 – quando iniciou o funcionamento.

Além disso, a empresa foi uma das primeiras a ter autorização da Seinc para usar o ‘Selo Produzido no Maranhão’, iniciativa que visa o fomento do consumo dos produtos produzidos no Estado.