Parceria entre Governo e cervejaria fortalece produtores da cadeia produtiva da mandioca no MA

Produtores do povoado Bom Principio recebem pagamento pela compra da mandioca para a produção da cerveja Magnifica (Foto: Divulgação)

Os resultados da parceria firmada, desde 2015, entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc) e a cervejaria Ambev, já são visíveis no cotidiano e na vida dos pequenos agricultores de mandioca do Maranhão. Para demonstrar isso, produtores de Bom Principio, em Bacabal, recentemente forneceram 30 toneladas de mandioca para a empresa, para fabricação da cerveja Magnífica. A venda, foi a maior que os pequenos produtores da comunidade já realizaram.

“Os produtores ficam todos alegres”, comenta o pequeno agricultor Francisco Sousa, que junto dos 12 produtores da comunidade envolvidos no processo, puderam receber o pagamento pelo fornecimento e observar, desde então, avanços contínuos em seu cotidiano. “Vamos fornecer mais 30 toneladas para a empresa no início do próximo ano. Nossa produção está muito boa, foi a primeira vez que fornecemos essa quantidade”.
Segundo Sousa, 15 famílias participam de todo o processo de produção da cultura, na comunidade, e as perspectivas de melhorias já são reais.

30 toneladas de mandioca fornecida pelo povoado de Bom Principio, em Bacabal, para a Ambev. (Foto: Divulgação)

A renda recebida pelos 12 produtores pela empresa, a partir da comercialização garante uma nova realidade de vida tanto para quem recebe o pagamento, como para toda a comunidade e região. A compra da mandioca foi uma articulação da Seinc, em parceria com a Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão (Agerp) e faz parte do compromisso firmado pela empresa de comprar mandioca de pequenos produtores maranhenses.

O secretário da Seinc, Simplício Araújo, destaca o objetivo da articulação. “O objetivo é, além de contribuir para o adensamento da cadeia produtiva, gerar emprego, renda e desenvolvimento, auxiliar no estímulo à vocação natural da região e do Maranhão, um dos maiores produtores da cultura no país. Já pensou se todos os estados tivessem o poder de promover esse adensamento da cadeia produtiva?”.

A Seinc integra o Comitê de Apoio à Comercialização da Mandioca, junto com a Agerp, Sistema de Agriculura Familiar (SAF), Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e a Ambev. O comitê promove reuniões estratégicas para qualificar a comercialização de mandioca pelos municípios para a produção da cerveja no Estado. Além disso, a Seinc já reuniu mais de 300 produtores, sindicatos, secretários de agricultura com a diretoria da empresa, para apresentar os requisitos de fornecimento do produto.

Tratativas

As tratativas entre a Seinc e a empresa tiveram início em 2015 e resultaram no lançamento da cerveja Magnífica em dezembro de 2018 e além dos produtores rurais, o projeto mobiliza arrancadores, transportadores, por meio de cooperativas e associações. A parceria tem o objetivo de corresponder à vocação natural do Maranhão na produção de mandioca.