Incentivos à economia maranhense garantem crescimento do PIB do MA acima da média nacional

Publicado em 17 de novembro de 2020.

Com investimentos realizados pela Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), o cenário positivo vivido pelo Maranhão em relação à economia é cada vez mais perceptível. De acordo com o estudo Sistema de Contas Regionais, divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a economia do MA lidera o crescimento na região Nordeste em 2018 e tem crescido acima da média nacional.

Segundo os dados, o PIB maranhense subiu 2,9% no ano de 2018 – a porcentagem é maior que o aumento da média nacional, que foi de 1,8%.

“Uma prova do avanço que o Maranhão tem vivenciado é que 2018 foi o segundo ano seguido que o estado teve destaque, considerando o crescimento de 5,3%, em 2017. O bom desempenho do setor secundário e terciário maranhense comprovam as ações que temos feito, que focam no investimento e na geração de emprego e renda”, analisa Simplício Araújo, secretário da Seinc.

Entre os destaques, estão os setores de: Indústria, com foco para as atividades das Indústrias de Transformação, com crescimento de 9,2% em relação a 2017 (se destacaram os segmentos de metalurgia e fabricação de celulose); e de Serviços, com variação em volume de 5,9% no comércio e na reparação de veículos automotores e motocicletas.

Depois do Maranhão, destacaram-se Bahia (+2,3%) e Piauí (+2,1%).