Petróleo e Gás

Petróleo

No Maranhão, a exploração de petróleo encontra-se em fase de pesquisas, nas bacias de Maranhão/Pará, Barreirinhas e Parnaíba. Empresas que possuem concessão para exploração desses blocos, como a Petrobras, Queiroz Galvão, Ouro Preto Óleo e Gás e outras, desenvolvem pesquisas onshore e offshore na busca de campos que possam vir a ser economicamente rentáveis.

14ª Rodada de Licitações
A Resolução CNPE nº 005/2016, expedida em 13/10/2016, autorizou a realização dos estudos técnicos com vistas à 14ª Rodada de Licitações. Ao todo serão estudados 27 setores de 8 bacias sedimentares, entre elas estão as bacias terrestres de Nova Fronteira (Paraná e Parnaíba)

Gás natural

O Maranhão inicia um novo ciclo no papel estratégico para a produção de energia no país. Devido as fontes de gás natural, o estado é considerado a nova fronteira de produção de energia.

O gás natural se mostra uma energia moderna de grande versatilidade, podendo ser utilizada amplamente em diversos segmentos do mercado, nas indústrias, no comércio, nas residências e em automóveis. Por levar conforto, economia, comodidade e segurança para a sociedade, torna-se uma energia altamente desejável para o mercado nos seus mais variados processos produtivos. No Maranhão, o nível atual das reservas é de 18,5 bilhões de metros cúbicos de gás, referentes aos campos já em produção.

Por meio das operações de óleo e gás, a Parnaíba Gás Natural, na Bacia do Parnaíba, no Maranhão, subsidiária da empresa ENEVA, tem capacidade de produção de até 8,4 milhões de m³/dia de gás natural, sendo a maior operadora privada de gás natural do Brasil.

Quatro usinas operam no Complexo de Parnaíba, com capacidade instalada de 1.427MW de potência.
A Bacia do Parnaíba, atualmente, é a segunda maior produtora em terra no Brasil, responsável por cerca de 7% de toda a produção de gás natural do país.

Oportunidades de investimento: